RSS

Recuperação das Barras de Equilíbrio da Locomotiva 522

17 jul

Já mostramos aqui o trabalho feito com os feixes molas da locomotiva 522, continuando com o trabalho no sistema de suspensão da locomotiva, hoje vamos ver a recuperação das barras de equilíbrio, que foi feita durante o mês de Outubro de 2011.

A grosso modo podemos dizer que as barras de equilíbrio conectam as molas de cada uma das rodas ao longeirão da locomotiva e assim, são elas quem sustentam a locomotiva. O sistema todo é inter-conectado de forma que uma roda tenha conexão com a outra, distribuindo o peso e os movimentos da suspensão.

Além de distribuir o peso sobre as rodas, o sistema ajuda distribuir os movimentos de todo conjunto, amortizando assim os choques que as rodas sofrem, evitando movimentos bruscos na locomotiva, fornecendo assim melhor estabilidade, ajudando na conservação da locomotiva e também conforto para equipagem.

Na figura abaixo (que não é da locomotiva 522), se observamos os itens 40 (caixa de mancais), 41 (barra lateral de equilíbrio), 42 (feixe de molas) temos uma visão global de como todo sistema atua:

Detalhes de locomotiva a vapor

Detalhes de locomotiva a vapor, autor Panther (http://commons.wikimedia.org/wiki/User:Panther), licensed GFDL Cc-by-sa-2.5,2.0,1.0

Trabalhos Realizados

Como sempre, o primeiro passo é remover os componentes para uma avaliação e realizar a limpeza:

Barra lateral (na direita) e tirante de suspensão da mola

Barra Lateral de Equilíbrio

Tirante de suspensão da mola

Detalhe do tirante de suspensão da mola

Depois da limpeza e ajustes, o conjunto todo passa por pintura para proteção, o resultado podemos conferir abaixo:

Barras de equilíbrio

Após trabalhar em todo conjunto, o resultado pode ser conferido abaixo:

Conjunto de equilíbrio da locomotiva

Detalhes dos componentes da parte dianteira da locomotiva

Abaixo temos a barra transversal, que é usada para distribuir as forças lateralmente na locomotiva, especialmente quando a locomotiva entra em curvas. A tendência da locomotiva ao entrar em uma curva é aumentar o peso do lado de fora da curva, a barra transversal que tem conexão com o truque dianteiro (roda guia) ajuda equilibrar essas forças, de forma a tentar manter a distribuição de peso da locomotiva sempre por igual ou o mais próximo disso.

Barra transversal para conexão com truque dianteiro

Abaixo podemos observar uma barra lateral com seus dois tirantes:

Conjunto de Barra Lateral e tirantes de suspensão

E por fim, todo conjunto de suspensão, olhando a partir da traseira da locomotiva:

Conjunto de suspensão, com detalhe do sistema de conexão com o truque traseiro

Ajustes no Longeirão

Voltando ao longeirão da locomotiva, observamos que os pontos de apoio da barra lateral de equilíbrio precisava ser retificado e ganhar nova bucha:

Situação do ponto apoio

Preparando para novo embuchamento

Nova bucha instalada

Com este trabalho, foi feita toda preparação das barras de equilíbrio para serem todas embuchadas e ajustadas nas medidas originais exigidas pelo fabricante (Alco). No presente momento estão sendo fabricadas novas buchas para o longeirão (que pode ser visto na foto acima) e todos os pinos estão sendo recuperados ou fabricados novos, conforme a necessidade e estado de cada um.

Anúncios
 
8 Comentários

Publicado por em 17 de julho de 2013 em ABPF, Locomotiva 522, Oficinas de Cruzeiro, Restauração

 

Tags: , , , ,

8 Respostas para “Recuperação das Barras de Equilíbrio da Locomotiva 522

  1. Julio Moraes

    17 de julho de 2013 at 23:40

    Bruno, já comentei que acho que estes posts são altamente informativos e educativos. Graças a este, acabo de comparar este sistema com o da locomotiva no. 2 da Perus-Pirapora, e achei muito interessantes as diferenças e semelhanças entre as duas máquinas, sempre atendendo à mesma finalidade, ainda que em dimensões e bitolas diferentes. Obrigado.

     
    • bcsanches

      18 de julho de 2013 at 9:42

      Julio, ficamos muito felizes em saber que os artigos do blog estão indo além de serem meras notícias! Muito obrigado!

       
    • Marcos Orlando

      20 de julho de 2013 at 22:48

      Caro Julio, tenho visto alguns avanços na recuperação histórica da Perus-Pirapora, precisamos saber de mais, se for possível e será que vai ser possível recuperar o trecho todo ? A página da internet só tem notícias antigas.Desde já OBRIGADO

       
  2. Marcos Orlando de Oliveira Ferreira

    19 de julho de 2013 at 21:36

    Excelente interação, vou passar adiante, o pessoal tem de ver isto.A Perus Pirapora merece uma atenção especial

     
    • bcsanches

      20 de julho de 2013 at 14:10

      Obrigado Marcos, a ideia é sempre juntar as experiencias e crescer!

       
  3. JR

    7 de setembro de 2013 at 11:15

    Só temos é que agradecer ao Jorginho e sua equipe pelo belo trabalho realizado em nossa querida cidade. Muito obrigado

     
    • bcsanches

      7 de setembro de 2013 at 19:49

      Obrigado JR, nós também agradecemos a cidade que sempre foi receptiva com o projeto!

       

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: